As Quatro Informações do Objeto

O Apóstolo Paulo dizia que se Cristo habitasse ricamente nos irmãos, eles poderiam receber as 4 informações necessárias e suficientes para entender o Amor de Deus. Qualquer objeto pode ser conhecido com estas informações. Não assuste chamar de objeto o Amor de Deus, porque Paulo o faz por se tratar de uma analogia. Assim como qualquer objeto pode ser conhecido, o Amor de Deus também uma vez que tenhamos estas quatro informações, a saber: “Largura, Comprimento, Altura e Profundidade”. A explicação mais significativa ficaria assim: 1. A Largura é o Amor de Deus estendido a todos os povos da terra e céu; 2. O Comprimento expressa o Amor de Deus eterno, atingindo desde o princípio até o fim; 3. A Altura do Amor de Deus mede seus limites infinitos; 4. A Profundidade é a capacidade que o Amor de Deus tem de penetrar no infinito abismo do homem, mesmo que esse seja o mais depravável e vil pecador. Entendeu agora o Amor de Deus? Eu não, por isso Paulo fala que ele “Excede todo entendimento”. Porém podemos desfrutar dele mesmo assim. (Efésios 3.17-19) – Mg 23

Deixe uma resposta